Informações ao Paciente

Escolher uma equipe médica confiável e um hospital com todos os equipamentos necessários ao bom atendimento é a melhor maneira de evitar frustrações e prevenir problemas.
Antes de tomar qualquer decisão, olhe-se bem no espelho e faça uma avaliação séria: será que realmente preciso e quero fazer uma cirurgia plástica? Ou estou sendo influenciado pela opinião dos outros? Usar a cirurgia plástica como válvula de escape para problemas emocionais ou profissionais também não é uma solução. Converse com sua família, com seu analista, se fizer análise. Se, no final, estiver mesmo decidida, procure um profissional qualificado para saber se o procedimento que deseja pode ou não ser realizado. Depois,é só analisar os prós e os contras e achar um lugar na agenda.