Diferenças entre os principais preenchedores do mercado

RIO – Adiar a plástica com um dos vários preenchedores disponíveis no mercado é o sonho de muitas mulheres, mas poucas sabem que cada método funciona para um tipo de ruga. O cirurgião plástico Rodrigo Mangaravite, autor do livro “O que a cirurgia plástica pode fazer por você”, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), explica que o o preenchimento só atenua pequenas marcas de expressão e aumenta o volume de determinadas áreas, como os lábios.
– É um procedimento mais indicado também quando o paciente não tem muito tempo para recuperação e quer um resultado imediato. Quando os sinais de envelhecimento da face são mais aparentes, com a queda da musculatura e flacidez da pele do rosto, ou quando a paciente deseja um resultado mais duradouro, o ideal é fazer uma cirurgia plástica – explica o médico.
Os dois melhores preenchedores disponíveis nos consultórios médicos, segundo Mangaravite, são a toxina botulínica (como o Botox) e o ácido hialurônico. As substâncias são indicadas para corrigir imperfeições nas maçãs do rosto, no sulco naso-geniano (o bigode chinês), dar volume nos lábios, realçar o contorno facial ou o queixo, e apagar as pequenas rugas entre as sobrancelhas.
Acompanhe no link abaixo a matéria na sua íntegra: